• A cerimônia da Lua Cheia

    A cerimônia da Lua Cheia

    Naquela época procurei em livros, na internet e em brochuras mas não encontrei em lugar nenhum. Porém assisti ao vivo e à cores à cerimônia da lua cheia de 2008, que comemora a aparição da primeira lua cheia do ano de acordo com o calendário lunar que naquele ano ocorreu no dia 21 de fevereiro. Perguntei, então, a uma das minhas amigas coreanas que me explicou o significado desta festa que reproduz rituais da sociedade agrária em plena cidade de Busan, que me explicou:

    Na primeira lua cheia do ano, as famílias se reúnem em volta de uma fogueira para dançarem e cantarem em homenagem à lua e ao mesmo tempo para pedirem-lhe proteção para a lavoura. As roupas tradicionais usadas na festa reproduzem as roupas de uma rainha da época do reinado de Silla que institutiu esta cerimônia. O prato servido é o arroz de cinco grãos, um dos pratos tradicionais na Coreia, preparado com arroz, feijão, vagem, cevada e milho, provavelmente para sugerir a abundância da colheita. A fogueira era acendida para destruir os insetos nocivos às plantas e afugentar os maus espíritos e tornou-se um símbolo. 

    Naquele ano essa festa foi realizada na praia de Haeundae, onde eu morava. Uma árvore de aproximadamente 10 metros foi reproduzida e colocada na areia. Em torno dela, grupos de danças e músicas tradicionais se apresentavam, vários oradores fizeram discurso em um palanque e às 18h colocaram fogo na árvore que se transformou em uma imensa fogueira. As milhares de pessoas que se empurravam para ver de perto os eventos começaram a sair correndo na direção oposta daquele fogo assustador, daquela fumaça preta e das pequenas brasas que caiam sobre nossas cabeças. 

    Foi extremamente rico e edificante assistir a esse evento, mas advirto aos interessados que previnam-se sobre uma eventual imolação, claro que estou exagerando um pouco, porém, embora eu não seja materialista, até hoje lamento meu casaco preferido, queimado durante a festa...

              A cerimônia da Lua Cheia    A cerimônia da Lua Cheia     A cerimônia da Lua Cheia     A cerimônia da Lua Cheia

    « Livros de papelO templo Haedong Yonggungsa »
    Partager via Gmail Yahoo! Blogmarks

  • Commentaires

    1
    carol.geo
    Mercredi 6 Mars 2013 à 16:02
    As tradições são realmente especiais. Une as pessoas por motivações emocionais e lhes permitem uma consciência coletiva de pertencimento ao lugar, à sua terra.
    Adorei o artigo, sou loucamente apaixonada pela Lua!!!
    Suivre le flux RSS des commentaires


    Ajouter un commentaire

    Nom / Pseudo :

    E-mail (facultatif) :

    Site Web (facultatif) :

    Commentaire :